Estábulo de Luxo e Selvática Ações Artísticas

(Curitiba, PR)

cabaré da rua

Micro Manifesto
Prelúdio
Nuvens se formam no céu de nossos ideais, assim desenhando uma cegueira constante. Não há concretude maior que a de um gás, muito menos o conforto de um ponto de chegada. Viajantes sem rumo, fl âneurs do esquecimento, passageiros com a ambição do fogo depois de queimar museus e bibliotecas, levados por um sonho universal no centro de um pássaro máquina: E Che Va Brutta. É de dentro dessas entranhas mecânicas, repletas de ferrugem, que murmuramos este manifesto. Um papo de velho com uma grande dose de desilusão. Para fora e além!
Agora voamos em nossa ave máquina, voamos para fora dos teatros e museus. Poucos de nós sobreviveram. Nos fazemos cidade, Zonas Autônomas Temporárias, buscando brechas, frestas e interstícios. Aqui em meio a organização da polis, em meio aos arranhacéus insistimos em tentar. Fracassar. Tentar de novo. Fracassar de novo. Fracassar melhor.É de Curitiba (a capital mais fria do país, a roça iluminada, terra de vampiros e polacas) que lançamos nossa voz. No ano cósmico de mais uma revolução que malogrou.
Para Gilda, com ardor.

Cabaré Voltei apresenta: Trombada de Cabarés

7/11 às 19h

Praça 29 de Março

Classificação indicativa: 18 anos

“Enquanto o fascismo avançar por todos os lados, enquanto formos controladxs pelas estruturas do biopoder, e antes da injustiça se perpetuar em falhas políticas e sociais: haverá Cabaré!”. Há 101 anos Zurique apresentava ao mundo um espaço que mudaria a história da arte: O Cabaré Voltaire - local de apresentação e experimentos do movimento Dadá. Apresentamos o Cabaré Voltei - versão brasileira, traduzida, antropófaga, debochada, latinoamericana e contemporânea daquele que foi um dos mais importantes espaços das vanguardas modernas. Assim, conclama artistas indignados experimentais (e que possuam uma vida experimental) das distintas formas que as variedades assumiram no decorrer da história como o vaudeville, a Revista Brasileira, o circo teatro, a ópera bufa, o cabaré político mexicano, o burlesco e a performance art para compartilhar trabalhos processuais e ocupar o espaço público para uma reconstrução do cabaré em Sarau Aberto numa grande trombada de cabarés com as atrações comandadas pelas dãmas indignas das alterosas do Varejão (BH), MOVEDETE EX MACHINA, O Estábulo de Luxo, Coletivo Casa Selvática e a Universidade Livre de Charlatanismo e o seu Cabaré Místico.

Realiza Certas Produções - Incentiva BOSCH